Como perder a barriga sem a necessidade de fazer exercícios.

A magia não existe, mas vamos tentar encontrar 6 diferentes maneiras de perder barriga sem exercícios. Desde consumir água potável, sempre fazendo cinco refeições por dia, monitorando a proteína, sem negligenciar as fibras.

Beber agua

Para perder peso basta consumir meio litro de água antes de cada refeição. Não há necessidade de mudar os hábitos alimentares e nem mais exercícios físicos do que estamos acostumados. As pessoas que beberam água antes de cada refeição perderam uma média de 4,3 kg em 12 semanas. Um estudo que pode servir como referência para perder barriga a médio prazo.

Porções menores em pratos menores

Sim, este é um clássico, mas é real. O fato de substituir nossos pratos fundos, tigelas, para pequenos pratos rasos, copos, pires menores, já pode nos levar a perder a barriga que nos incomoda tanto. Em vez de muita comida em um prato fundo, substitua por menor porção em um prato raso.  A imagem que o nosso cérebro faz dos alimentos também influencia. Comer com os olhos é um reflexo daquilo que vemos. Quando vemos um prato raso com porção menor, ficamos satisfeitos da mesma maneira.

Fazer as cinco refeições

perder barriga sem exercícios.

Todas as dietas enfatizam este ponto. Café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar. Cinco refeições por dia, cinco momentos em que o corpo está trabalhando em plena capacidade. Uma maneira de ficar sem fome, até a próxima refeição e comer com mais frequência. Estas cinco refeições nos deixarão mais ativos, enérgicos e saciados, geralmente um dos pontos chave de perder peso.

Mais fibras

Sempre uma maneira de ajudar o trato intestinal, e uma maneira de comer mais saudável. As fibras são obtidas de legumes ou nozes. As frutas também contêm fibras, mas algumas podem ser ricas em açúcares. As fibras dos alimentos ajudam no desempenho das funções intestinais, evitando a constipação. Elas também ajudam na prevenção do inchaço e desinflamação do estômago.

Mais proteínas

As proteínas são mais difíceis de digerir e levam mais tempo para serem metabolizadas e utilizadas pelo organismo. Isso significa que perderá energia ao mesmo tempo em que estará consumindo proteínas. Elas poderão satisfazer mais rapidamente e deixarão saciados por períodos mais longos de tempo. Consuma proteínas de aves (sem pele ou gordura), mariscos, feijões, ervilhas, ovos e sementes.

Gorduras insaturadas

As boas gorduras como o azeite de oliva extra virgem, abacate, castanhas, como nozes, avelãs, macadâmia ou azeitonas são uma das melhores fontes de gorduras insaturados e benéficas para a nossa saúde.

Deixe um comentário